Como trata o Centro os pedidos dos clientes?

Entregar traduções de qualidade em todas as combinações linguísticas solicitadas e nos prazos acordados: eis o desafio a que todos os dias damos resposta no Centro de Tradução. Ao longo dos anos, otimizámos o nosso fluxo de tradução para assegurar que os pedidos são processados da forma mais ágil possível. Apresentamos aqui as várias fases no nosso fluxo de trabalho, desde o tratamento dos pedidos à entrega e ao feedback dos clientes:

1.Receção dos pedidos

A Secção de Gestão do Fluxo de Trabalho (WMS, na sigla inglesa) monitoriza todos os pedidos recebidos através do Portal do Cliente do CdT. Analisa os ficheiros em termos de conformidade com o documento de partida, número de páginas calculado e formato, e verifica o tipo de serviço pedido, o prazo e as línguas de chegada pretendidas.

2.Pré-processamento

A WMS assegura que não existem problemas de formatação nos ficheiros de partida originais, reúne o material de referência relevante, recupera o conteúdo reutilizável das memórias de tradução e disponibiliza todos os ficheiros de trabalho e recursos linguísticos e terminológicos necessários para a tarefa em questão.

3.Tradução

Terminada a fase de pré-processamento, e dependendo dos resultados obtidos, a WMS decide se a tarefa deve ser atribuída aos tradutores internos relevantes ou enviada para a rede de tradutores externos especializados do Centro. A WMS atribui os trabalhos aos tradutores de acordo com a especialização, competências e língua materna de cada um. Os critérios subjacentes à decisão de recorrer aos tradutores externos são, entre outros, o volume de trabalho interno, o nível de confidencialidade, a área temática e o tamanho do documento. Se decidir externalizar um documento, a WMS pode contar com os contratos-quadro relevantes acordados com os prestadores externos ou recorrer aos serviços de contratantes externos específicos, dependendo da área temática e da combinação linguística.

4.Apoio dos Coordenadores de Clientes

Os tradutores podem consultar os Coordenadores de Clientes do Centro (que são membros do Departamento de Tradução) relativamente a questões relacionadas com o conteúdo dos documentos de partida.

5.Processamento intermédio

Todos os aspetos técnicos dos documentos processados por tradutores externos são verificados pela WMS.

6.Revisão

Todos os documentos enviados aos tradutores externos são revistos por tradutores internos, que devem preencher uma ficha de avaliação sobre a qualidade do trabalho prestado pelo tradutor externo, de acordo com os termos dos contratos-quadro e segundo as condições gerais relativas à prestação de serviços linguísticos no Centro de Tradução. As traduções internas são verificadas (ou seja, revistas) por outro tradutor da mesma língua materna.

7.Pós-processamento

A WMS comprova se os documentos foram completamente traduzidos e ajusta, quando necessário, a respetiva apresentação e formatação. Os ficheiros a entregar aos clientes através de carregamento na Web são igualmente verificados (verificações de integralidade e apresentação), corrigidos e carregados pela equipa da WMS.

8.Entrega

A WMS assegura que cada documento é entregue ao cliente dentro do prazo acordado.

9.Gestão do feedback dos clientes

O Grupo de Coordenação de Clientes (Secção de Relações Externas e Comunicação) analisa os Formulários de Satisfação do Cliente (CFS) recebidos dos clientes.